Novo Concurso da DPE TO 2022 – Defensor Público Substituto


DPE TO realiza novo concurso público 2022. Seleção irá ofertar vagas para o cargo de Defensor Público Substituto. Inscrições podem ser feitas até o dia 14 de janeiro de 2022.

Novo concurso público está oficialmente aberto desde o dia 27 deste mês de dezembro. O certame vai prover cargos na DPE/TO ou órgão da Defensoria Pública do Estado de Tocantins. Este processo de seleção vai fazer preencher três postos na função de defensor público substituto.


Deste pequeno lote de vagas, um cargo está reservado a candidatos autodeclarados afrodescendentes, aos descendentes indígenas e (ou) remanescentes quilombolas. De acordo com o texto do edital, este concurso não proverá reserva de postos para a categoria de pessoas com deficiência em modo imediato, apenas para a formação do cadastro reserva de concorrentes.


Este cargo exige, para ser exercido, que os pretendentes apresentem certificado de conclusão em curso universitário na área de Direito, cuja graduação seja conferida por instituição de ensino superior devidamente reconhecida pelo órgão do Ministério da Educação e da Cultura (MEC). Esta carreira tem vencimento inicial no teto de 30.404 reais. Por esta razão são poucas vagas disponíveis e a concorrência será intensa. O salário é encorajador.


Para saber como cadastrar inscrição nesse processo de seleção da DPE/TO, siga as orientações abaixo:

O período de inscrição segue em aberto até a data de 14 do mês de janeiro, 2022. O preenchimento da ficha cadastral deverá ser efetuado apenas via online, acessando o portal remoto da instituição que rege a banca organizadora, neste caso, o Cebraspe, conforme segue o link oficial: www.cebraspe.org.br.


Assim que o cadastro estiver concluído, cada futuro concorrente deverá retirar impresso o boleto bancário contendo o valor da taxa, estipulado em 300 reais. Este boleto deverá ser quitado dentro do prazo de inscrições, para que o candidato não perca a chance de participar da seleção.

Itinerário deste certame do DPE (TO):

Este processo de seleção será executado em seis fases distintas, nas quais os candidatos serão submetidos e provas e exames em caráter classificatório e eliminatório, segue a sequência:

Inicia com a aplicação dos cadernos de prova objetiva, em modo eliminatório e classificatório; segue com a aplicação dos cadernos de provas dissertativas, em modo eliminatório e classificatório; a fase seguinte é a o teste oral (falado), em modo eliminatório e classificatório; a quarta etapa é a da prova de tribuna, em modo eliminatório e classificatório; a quinta fase é a da avaliação dos certificados e diplomas, de caráter classificatório e a última fase a do processo de investigação sobre o histórico da vida social de cada concorrente, somente em modo eliminatório.

Tempo oficial dos testes: os cadernos de prova objetiva serão ministrados em um tempo máximo de cinco horas, e contarão com questões de tipo múltipla escolha. Esta fase, como as demais, será realizada em estabelecimentos localizados na cidade (Capital) de Palmas, Estado do Tocantins. O dia de execução das provas será o dia seis (6) do mês de março do próximo ano, 2022. As localidades e os horários serão determinados e devidamente comunicados por meio do edital da convocação, que sairá em breve.

Sumário das informações principais:

Novo certame vai prover cargos no órgão da Defensoria Pública, sede estabelecida no Estado do Tocantins. Este processo seletivo vai prover apenas três carreiras. O valor da taxa de inscrição está em 300 reais. Cargos na função de defensor público substituto. As seções de atuação dos futuros novos servidores serão a Judiciária e a Jurídica. Grau de formação exigido para assumir o cargo: formação superior na área de Direito. Vencimento inicial no teto de 30.404 reais. A instituição que atua como banca organizadora: instituto Cebraspe. Lotação dos postos na cidade de Palmas, Estado do Tocantins.


Paulo Henrique dos Santos


Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.