Concurso DPE CE 2022 – Defensor Público


DPE CE publica edital de Novo Concurso Público 2022. Seleção oferece 60 vagas para o cargo de Defensor Público.

Se você pretende se tornar servidor público e está estudando para conquistar uma vaga que lhe ofereça um bom salário, além da estabilidade, pode conferir aqui uma nova oportunidade. Em 21 de fevereiro (segunda-feira) a Defensoria Estadual do Ceará – DPE CE publicou o edital do seu concurso que visa ocupar 60 vagas de nível superior. Quem for aprovado receberá R$ 27,5 mil já no início da carreira. As etapas do certame são compostas em 4. Veja mais detalhes previstos no edital a seguir.


Faça sua inscrição apenas via internet no concurso da DPE do Ceará

A partir de 3 de março (quinta-feira) você pode acessar o site da Fundação Carlos Chagas – FCC, que é a responsável pela organização do concurso e provas do processo seletivo da DPE CE, a fim de realizar seu cadastro no certame. As inscrições seguirão até 5 de abril (terça-feira) e o boleto no valor de R$ 295 deverá ser pago até esta data.


Quem pertence à família de baixa renda, que recebe até 2 salários mínimos, for deficiente ou estudou em escola púbica no ensino meio, pode solicitar isenção do pagamento.


O que é necessário para me tornar um Defensor Público do Estado do Ceará?

A primeira etapa a ser vencida para alcançar esse seu sonho é também a mais desafiadora: ser aprovado no concurso público do órgão. Para concorrer é preciso ter diploma na área do Direito, o qual deve ser emitido por instituição de ensino que seja credenciada junto ao Ministério da Educação – MEC.


Além disso, você deve cumprir às exigências previstas no edital. Veja quais são: comprovar experiência de 2 anos, no mínimo, de prática forense, ser brasileiro, possuir idoneidade moral, ter aptidão cognitiva e física para assumir as responsabilidades do cargo, estar em dia com a justiça eleitoral e militar, estar com registro ativo na Ordem dos Advogados do Brasil – OAB, ter idade não inferior a 18 anos, entre outros requisitos.

Sobre as vagas a serem preenchidas na DPE do Ceará

As oportunidades dispostas no edital somam 60 para ampla concorrência, pessoas com deficiência – PCD, pretos, pardos, indígenas e quilombolas.

Quem for concorrer como cotista PCD deve lembrar de enviar o laudo médico que confirma a sua condição. Quando você for aprovado, antes que tome posse, uma equipe médica realizará a sua avaliação para atestar a sua deficiência, bem como sua capacidade de realizar as atribuições do posto de trabalho de Defensor Público Estadual.

Caso você concorra às vagas reservadas para afrodescendentes ou índio e quilombola, saiba que uma equipe vai avaliar se a sua declaração é verdadeira.

A remuneração oferecida aos novos ingressantes na carreira de Defensor Público do Estado do Ceará é de R$ 27,5 mil e a contratação é para o regime estatutário.

Haverá 4 fases no concurso da DPE do Ceará

O candidato vai realizar uma prova objetiva, na data estimada de 5 junho, domingo, com 100 quesitos sobre s seguintes matérias: direito previdenciário, direito do consumidor, administrativo, penal, civil, organização da defensoria pública, direito constitucional, processual civil, direito do trabalho, empresarial e processual penal. Os concorrentes terão 5 horas para responder às questões. Não haverá tempo adicional para marcar o gabarito.

Nos dias 20 e 31 de julho, serão aplicadas as provas discursivas, que constituem a segunda fase do concurso público da DPE. Nela, é necessário responder 1 peça processual e 3 quesitos dissertativos.

A terceira fase é a prova oral e a última etapa é a avaliação de títulos.

Outras informações do concurso da DPE do Ceará

Veja aqui outros detalhes do edital que rege esse certame. A validade prevista é de 2 anos e pode ser estendida se assim o órgão público entender como conveniente.


Melisse V..


Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.